dd

GOVERNO DO PT por Jair Bolsonaro

O SR. JAIR BOLSONARO (PTB-RJ. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, parabenizo o Deputado Antonio Cambraia, companheiro que também labutou no Exército durante muitos anos, pelo seu discurso, e gostaria, se me permite, de incorporá-lo ao meu. Parabenizo também o Deputado João Fontes, ex-petista, por estar agora numa posição que não esperava.
Deputado Inocêncio Oliveira, com a saída de alguns Parlamentares do PT, a única vantagem para o partido é o aumento da concentração de traíras por metro cúbico. Saíram os Deputados coerentes e ficaram os traíras. Lamento tudo que vem acontecendo. Através do AI-5, cassavam-se, na maioria das vezes, corruptos; o 171 do PT cassa pessoas coerentes.
Sr. Presidente, o ano está findando. Não farei aqui nenhum balanço. Talvez esta seja a última vez em que ocupo a tribuna desta Casa, mas devo dizer que o Governo do PT foi uma desgraça no corrente ano. As medidas adotadas pelo partido desestimularam os cidadãos a se empenharem em estudar, porque todos serão iguais no final da carreira, a exemplo dos servidores públicos. Então, para que prestar concurso público? É melhor aproveitar a vida.
Se uma pessoa, após muitas privações e sacrifícios, olhar para outra que nada fez ao longo de sua vida e vir que passou a ser igual, pensará: "Valeu a pena?" Lógico que não. O homem sem estímulo não progride, mas, para o PT, é melhor assim. Todos acabam sendo iguais um dia, e mais pobres. Daí, não haverá mais comparação.
O último vexame do Governo Lula aconteceu num almoço com oficiais-generais na segunda-feira passada. S.Exa. disse o seguinte: "Não adianta ter um bando de general e soldado sem pólvora" - erra até no português. Sabemos que nosso Presidente é desprovido de cultura. Não é novidade para nenhum de nós, mas avançar na raia da ignorância e da imbecilidade nos envergonha.
Presidente Lula, não é questão de pólvora! O recruta não tem comida nos quartéis e recebe 153 reais brutos por mês!
Será que o Presidente não sabe que o recruta é filho do nordestino, do pau-de-arara, se me permite dizer carinhosamente, do retirante? É aquele homem que foge do Nordeste para tentar um prato de comida no Sudeste, mas S.Exa. continua lhe negando comida e salário mínimo. Não é questão de bando, Presidente Lula! O Orçamento de 2004 é menor que o de 2003, desconsiderando até mesmo a inflação.
Presidente Lula, quero dizer que o atendimento médico-hospitalar nos hospitais militares é péssimo, porque V.Exa., a exemplo do ex-Presidente Fernando Henrique Cardoso, continua roubando a contribuição obrigatória do militar destinada ao fundo de saúde. Bando é o pessoal que está ao seu lado, de paletó, gravata e colarinho branco, como provarei logo adiante.
Frei Chico, por exemplo, que ficou preso 16 dias apenas por ser um baderneiro, ganha hoje em dia R$ 3.760,00 de pensão, mais do que um capitão formado pelo IME ou pelo ITA, quase o dobro de um piloto de caça, e ainda não paga Imposto de Renda. Um Terceiro-Sargento das Forças Armadas ganha 3 vezes menos do que um patrulheiro da Polícia Rodoviária Federal. Um General 4 estrelas, com 65 anos de idade e 50 de serviço, ganha o equivalente a um jovem de 25 anos recém-admitido na Polícia Federal. No entanto, S.Exa. os chama de bando e pede ainda mais sacrifício.
Bando, Presidente Lula, é quem humilha e tortura os velhinhos e as viúvas do INSS com redutores de pensão, além de alunos deficientes e servidores públicos. Bando é quem mente para chegar ao poder, quando diz, por exemplo: "Não vamos taxar inativos", "Vamos corrigir a tabela do Imposto de Renda", "Fora, FMI" - e, agora, é o queridinho do FMI, "Vamos valorizar o servidor público", e o apunhala pelas costas. Bando é quem diz que acabará com a CPMF e a prorroga.
Bando é quem diz: "Fomos perseguidos pelos militares" para buscar dividendos políticos e financeiros. Um bilhão de reais do Orçamento, Deputado Inocêncio Oliveira, serão destinados, nos próximos anos, a indenizações aos "torturados" - entre aspas - pelo regime militar. Quanto faturará o escritório de advocacia do Sr. Luiz Eduardo Greenhalgh em São Paulo? Se for 20%, os honorários serão de 200 milhões de reais. Ou será que ele está trabalhando de graça?
Sr. Presidente, lamentavelmente, teremos de aturar este Governo do PT, no mínimo, por mais 3 anos.